Formação de Peritos Judiciais e Assistentes Técnicos

Carga Horária: 16 Horas

 

Público Alvo: Para ingressar na atividade de perito judicial não é necessário ser aprovado em concurso público ou ter pós-graduação, basta ter curso superior em qualquer área profissional, ex: engenharia, administração de empresas, contabilidade, economia, informática, direito, agronomia, comércio exterior, turismo, fisioterapia, biomedicina, medicina, psicologia, etc.

 

Objetivo: Orientar o Profissional para atuar como perito judicial nos Tribunais de Justiça, informar os procedimentos legais de como se tornar um perito judicial, como fazer parte das Varas dos Tribunais de Justiça, como atuar como perito e assistente técnico judicial.

 

Coordenação: Roberto Bessa - Graduação em Engenharia Elétrica – UEMG – Ituiutaba – MG – 1990, Curso de Engenharia de Avaliações e Perícias – CREA – Goiânia – GO - 1993, Pós-Graduação em Eng. de Segurança do Trabalho. MBA Perícia, Auditoria e Gestão Ambiental – 2012. Curso de Higiene Ocupacional – 2017.

·Perito do TRT 18º. Região e do Tribunal de Justiça de Goiás desde 2007;

·Perito do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás 2ª. e 3ª. Vara Cível desde 1994;

·Professor no Senac do Curso Técnico em Segurança do Trabalho.

·Instrutor de Cursos em Segurança do Trabalho;

·Instrutor no Curso de Formação de Peritos e Assistente Técnico;

·Professor da Unifimes, Fesurv no Curso de Pós-Graduação de Engenharia de Segurança do Trabalho – Rio Verde, Goiânia e Brasília;

·Delegado Regional do CREA-GO 2010 no 7º e 8º. CEP – Congresso Estadual dos Profissionais.

·Coordenador do Curso de Engenharia de Segurança do Trabalho no Instituto Nº 1

·Diretor da AESGO e ABEE-GO 2011-2014

·Diretor Presidente da APEJUST-GO – Associação dos Peritos da Justiça do Trabalho 2015-18

 

Quer saber mais? Contate nossa central e receba a ementa completa e valores deste curso.

Atendimento: (62) 3622-6922 l (62) 98518-5002

Solicitar Contato

(62) 3622-6922 | Cursos de Curta Duração e Pós-Graduação